Alunos de oficinas dos projetos do FIA preparam apresentações especiais para encerramento das atividades do ano

Home / Estação Cultural / Alunos de oficinas dos projetos do FIA preparam apresentações especiais para encerramento das atividades do ano

Professores e alunos dos projetos Estação Cultural e Guarda Ambiental, mantidos através de recursos do Fundo de Infância e Adolescência de Capivari de Baixo -FIA já iniciaram as gravações para apresentações finais. As oficinas acontecem de forma remota desde o surgimento da pandemia do novo coronavírus e cada turma fará uma apresentação especial que está sendo preparada exclusivamente para o encerramento do ano, com data ainda a ser marcada.

Com muita criatividade e versatilidade, o Parque Ambiental se adaptou à nova realidade e passou a oferecer atividades virtuais com segurança, respeitando as normas sanitárias vigentes.

Os dois projetos estão em pleno andamento, beneficiando a mais de uma centena de crianças e adolescentes. O Estação Cultural oferece oficinas de teatro, dança (abaixo) , violino, teclado, jazz e ballet. O projeto Guarda Ambiental aborda diversos aspectos de educação ambiental, além de questões de disciplina, hierarquia, ética e inteligência emocional, buscando desenvolver valores importantes para a formação dos adolescentes. Estas oficinas são oferecidas a crianças a partir dos 7 anos de idade.

O Guarda Ambiental é oferecido a estudantes da rede municipal de ensino de Capivari de Baixo na faixa etária entre 12 e 15 anos. Duas turmas de 30 alunos cada, que tinham sido formadas em julho de 2019, vão encerrar as atividades neste final de ano. Outras duas turmas de 30 alunos cada foram formadas em março de 2020 e também estão em atividades remotas.

Se a necessidade de isolamento dificultou a execução de algumas tarefas, por outro lado permitiu a participação de alunos em maior número do que se as aulas fossem presenciais.

Os recursos aportados no Fundo da Infância e Adolescência são oriundos da Engie Brasil Energia e são específicos para esta finalidade, ou seja, a manutenção das estruturas física e humana necessárias para a oferta das oficinas.

Foco no meio ambiente

Durante as aulas da disciplina “Estudos Gerais de Flora”, com a turma Guarda Ambiental 2020 – B foi lançado aos alunos o desafio para contemplar o Dia da Árvore, comemorado no dia 21 de setembro. De acordo com o relato da professora desta disciplina, Camila Pedro Guimarães, mesmo com as aulas virtuais, a participação e o engajamento de muitos alunos e de suas famílias foram excelentes. A coordenação do projeto Guarda Ambiental se mobilizou para a iniciativa. Uma lista de espécies vegetais foi disponibilizada pela área de educação ambiental do Parque Ambiental Encantos do Sul através de uma parceria com o horto da Engie Brasil Energia, que forneceu mudas para o plantio.

Espécies nativas e frutíferas, como laranja doce, ameixa, araçá, maracujá azedo, entre outras espécies vegetais arbóreas foram disponibilizadas e ofertadas aos alunos da turma participante. O plantio se iniciou a partir da segunda-feira dia 21, quando os alunos puderam ir ao Parque para receber a sua muda de árvore. Os alunos foram orientados pela professora Camila durante as aulas da disciplina e também pela professora Mylena de Medeiros, também responsável pela área de meio ambiente do Parque, que enviou um vídeo aos alunos sobre os cuidados com o plantio e o cultivo das árvores.

“É uma das dinâmicas que envolvem ainda mais o ser humano. E os alunos do Guarda Ambiental exercem um papel importantíssimo: de compartilhar sobre os cuidados que devemos ter para garantir o equilíbrio do ecossistema do qual eles e suas famílias fazem parte”, disse a professora Camila.

Mudas foram doadas pelo horto da Engie